Notícias

Daniel Vilela afirma que investimentos federais representam reconhecimento ao produtor goiano





Ministros Maurício Quintella (Transporte), Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) deputados Daniel Vilela e Magda Mofatto e prefeitos João Alberto Rodrigues (Santa Helena) e Paulo do Vale (Rio Verde) vistoriam obra da Ferrovia Norte-Sul / Foto: Alberto Ruy/MTPA
01/02/18

Ao acompanhar vistoria nas obras do Pátio Sudoeste da Ferrovia Norte-Sul, em Santa Helena, ao lado dos ministros Maurício Quintella (Transportes) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência), o deputado federal Daniel Vilela (MDB) afirmou que o produtor goiano tem que ser valorizado pelo Poder Público e que serve como um modelo para o Brasil. O pré-candidato a governador lembrou que este foi o segundo grande evento do governo federal na mesma semana na região Sudoeste - na terça-feira, o presidente Michel Temer lançou em Rio Verde o custeio a antecipado da safra 2018/2019.

"O produtor goiano, por méritos próprios, tem superado as dificuldades e contribuído para que o País saia desta crise. Isto tem sido reconhecido pelo governo federal, na forma de investimentos para alavancar a produção", afirmou o deputado em entrevista à imprensa após a vistoria da obra. Daniel foi um dos principais articuladores da construção do Pátio Sudoeste da Norte-Sul e atuou junto ao governo federal pela liberação dos recursos, trabalho que foi reconhecido pelos ministros durante a visita.

"O Sudoeste goiano receberá o maior pátio de transbordo da Norte-Sul, uma obra em torno de R$ 50 milhões, devido à importância econômica que tem para o País. Nossa produção contará com um importante diferencial logístico para seu escoamento, proporcionando maior competitividade", completou.

Situado entre Rio Verde e Santa Helena e com acesso direto pela rodovia estadual GO-210, o pátio atenderá, especialmente, à produção de granéis agrícolas (soja, milho, farelo e açúcar), granéis líquidos (combustível), fertilizantes e contêineres. A plataforma tem capacidade de operar 20 milhões de toneladas por ano e possuirá acesso ferroviário aos portos de Santos (SP) e Itaqui (MA).

"Esse é mais um dos investimentos históricos para o Brasil. No futuro, a Ferrovia Norte-Sul será conhecida como o marco divisor do sistema ferroviário nacional. Muito em breve, com a conclusão dessas obras, o Brasil terá um importante eixo estruturante para a malha ferroviária nacional, proporcionando maior competitividade ao setor”, afirmou o ministro Maurício Quintella.

Ao lembrar dos atrasos para a operação da ferrovia, Moreira Franco disse que o governo federal começou a tratar a Norte-Sul como prioridade.


Outras notícias

Deputado Daniel Vilela comemora inclusão de municípios goianos na Ride
Parlamentar é o responsável pela inclusão de três dos novos municípios que integram a Ride-DF

^ ir para o topo | página inicial | contato


Email: contato@danielvilela.com.br
© 2016 Deputado Federal Daniel Vilela. Todos os direitos reservados.